FANDOM


Na mitologia grega, Ate (do grego Ἄτη, "desastre", "castigo", "engano") é uma deusa que representa atos inspirados pela húbris (desmedida, arrogância) que geralmente conduzem à morte ou à ruína. Em latim, foi chamada também Nefas (Nefasta) e Error (Erro).

Na Teogonia de Hesíodo, a mãe de Ate é Éris, mas o pai não é mencionado. Na Ilíada de Homero (livro 19), é chamada a filha mais velha de Zeus, sem que a mãe seja mencionada.

No Agamêmnon de Ésquilo, Ate é citada como mãe de Peito ("Persuasão"), citada na Teogonia como uma oceânida.

surgimento

a batata surgiu no ano de XIXI em watermelon e foi ficando famosa ate entao. SAUDEM ELA

Mitos Editar

  • Ate é uma divindade muito rápida que pousa, sem ser percebida, sobre a cabeça de deuses e mortais para induzi-los ao erro, perturbando-lhes a razão. As Litas ("Orações") a perseguem, mas ela é mais rápida e sempre escapa delas.
  • Na Ilíada, Ate, instigada por Hera, usa sua influência sobre Zeus para fazê-lo jurar que o próximo mortal dele descendente seria um grande rei. Hera imediatamente atrasou o nascimento de Héracles (filho de Zeus) e faz Euristeu (descendente indireto de Zeus, por intermédio de Perseu) nascer antes dele. Enfurecido, Zeus atirou Ate à Terra para sempre, proibindo-a de retornar ao Olimpo. Ate desde então devasta as mentes dos mortais:
Vou dirigir-me ao Pelida [diz Agamêmnon]; mas quero que todos os homens de Argos me escutem e, atentos, reflitam nas minhas palavras. Freqüentemente inculpavam-me os fortes Argivos; contudo, culpa [ate, em grego] não tenho nenhuma, senão, tão-somente, Zeus grande, a fatal Moira e as Erínias que vagam nas trevas espessas. Uma cegueira feroz me ensejaram tais deuses no peito, a qual me fez no conselho, ao Pelida [Aquiles] privar do alto prêmio. Como pudera eu reagir? São os deuses que tudo dispõem. Ate é filha de Zeus, deusa excelsa que os homens conturba, nume funesto de pés muito leves, que a terra não roça, ao caminhar, mas passeia por sobre a cabeça dos homens, ocasionando tropeços. Té seres mais altos enleia.
O próprio Zeus poderoso, que os deuses e os homens supera, em suas malhas se viu de uma feita, no dia em que a esposa, Hera, conquanto mulher, o enganou com sutil artifício. Foi quando Alcmena, de insigne beleza, à luz dar deveria Héracles forte no burgo de Tebas de belas muralhas. Zeus, exultante, dirige-se a todos os numes, e fala:
- Deuses eternos e deusas, agora atenção prestai todos ao que vos digo e no peito me ordena falar-vos o espírito. As Ilítias, que as dores do parto presidem, hão de hoje à luz trazer refulgente um varão que vai ter o comando sobre os vizinhos, por ser de uma estirpe que em mim se origina.
Com solapada intenção, Hera augusta lhe disse, em resposta:
- Tenho certeza de que não tencionas fazer o que dizes. Mas, se em verdade, assim pensas, Olímpio, é preciso jurares que há de comando exercer sobre todos os povos vizinhos o alto varão que hoje aos pés de mulher a cair vier, acaso, desde que seja da estirpe que tu, claro Zeus, engrandeces.
Sem suspeitar-lhe a dolosa intenção, fez a jura solene Zeus poderoso, do que lhe adviria, depois, muito dano. Hera de um salto baixou das cumeadas do Olimpo nevoso, a Argos da Acaia de belas mulheres chegando, onde estava a venerável consorte de Estênelo, o nobre Perseida. De sete meses estava ela grávida; a deusa lhe trouxe o filho à luz, apesar de imaturo, e cessar fez de pronto as dores fortes de Alcmena, detendo as cruéis Ilítias. Tudo isso pronto, voltou para o Olimpo e falou a Zeus grande:
- Zeus pai que os raios dominas, notícia especial quero dar-te: já veio à luz o varão que será dos Argivos o chefe, filho de Esténelo, o nobre Perseida, a saber: Euristeu, de teu sangue e assim, digno de ser dos Argivos o chefe.
Dor muito aguda Zeus na alma sentiu, ao ouvir a notícia. Súbito Ate aferrou pela fronte de tranças macias, e num momento de cólera jura solene profere de que jamais no alto céu estrelado e no Olimpo entraria de novo Ate, que a mente dos homens e deuses transtorna. Rodopiando-a com força, depois de jurar, atirou-a do alto do Olimpo, e ela veio a cair entre os homens industres.
  • Apolodoro diz que, quando expulsa por Zeus, Ate caiu sobre um pico na Frígia chamado por seu nome. Mais tarde, no mesmo lugar, Ilo, ao seguir uma vaca, fundou a cidade de Ílion ou Troia. Essa versão não é compatível com a anterior, pois supunha-se a fundação de Troia bem anterior ao nascimento de Héracles.
  • Na Dionisíaca de Nonnus, por instigação de Hera, Ate persuade o rapaz Ampelo, amado por Dioniso, a tentar impressioná-lo montando em um touro. Ampelo cai, quebra o pescoço e morre.

Referências Editar

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória