FANDOM


Segundo a crença dos povos bantos, os bakúlus ou grandes anciãos, são os membros falecidos do clã.

Habitam o seio da terra, o interior das florestas e os cursos d'água. Formam aldeias semelhantes às dos vivos e vivem em perfeita harmonia, pois em seus domínios não existe o mal.

São extremamente ligados aos vivos e, embora sejam invisíveis, sua presença é permanente. Transmitem ordens através dos sonhos e devem ser prontamente obedecidos. Seu apoio é invocado antes de qualquer empreendimento pois possuem poder de desfavorecer ou criar obstáculos a um projeto.

Devem ser honrados regularmente em cerimônias solenes e pomposas. No local dedicado à sua veneração deve haver fogo aceso permanentemente. Uma vez por ano, no início da estação seca, são celebrados nos locais de seus túmulos.

Ao morrerem os soberanos assumem imediatamente a condição de bakúlus.


Referência Editar

  1. Nei Lopes. Kitábu; o livro do saber e do espírito negro-africanos. Rio de Janeiro, Editora Senac Rio, 2005, p.51

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória