FANDOM


Ilha Verde.jpg

A Ilha Verde no mapa-múndi de Pietro Coppo (1528)

A Ilha Verde é uma ilha lendária situada em algum lugar entre a Irlanda, a Terra Nova e os Açores por mapas medievais e da época dos Descobrimentos. Trata-se provavelmente de uma mal-entendida menção à Groenlândia e desaparece gradualmente ao longo do século XVIII.

Origem Editar

Por volta de 985, Eric, o Vermelho, originário da Islândia, teria sido o primeiro a colonizar a Groenlândia e possivelmente usou a denominação “ilha verde” como chamariz para colonos. Algumas partes da Groenlândia de fato possuem vegetação e a ilha poderia mesmo parecer acolhedora aos olhos de um islandês, desde que comparada com a sua terra natal.

O primeiro relato literário sobre a Ilha Verde surge do autor eclesiástico Adam de Bremen que, em 1069, teria falado com o rei Sweyn da Dinamarca, obtendo dele diversos artefatos oriundos desta ilha, que provavelmente é a Groenlândia viking.

Numa obra sua de 1076, a Descriptio Insularum Aquilonis dedica algumas linhas a esta ilha: “fica mais longe no Oceano, oposta às montanhas da Suedea, ou montes Riphen. Para esta ilha diz-se que se pode navegar da costa da Nortmannia em cinco ou sete dias, como também para a Islândia. O povo de lá é azul da água salgada; e disso a região toma seu nome. Eles vivem de maneira similar aos islandeses, exceto que são mais cruéis e criam problemas para os navegadores com ataques predatórios.”

No texto não deixa clara a localização da ilha, apesar de algumas passagens indicarem uma posição aproximada na parte mais ocidental do Atlântico Norte, o que aliás confere perfeitamente com uma associação da “Ilha Verde” com a Groenlândia.

Sucessivos ataques dos esquimós foram dizimaram a colônia nórdica na Groenlândia. Durante o século XV duas cartas papais referem-se ainda à ilha, embora de um modo já bastante vago. Em 1492 parece ter havido um esforço para restabelecer as comunicações, mas por essa altura a colônia devia ter desaparecido e os últimos sobreviventes provavelmente se misturaram com a população esquimó.

A Ilha Verde na cartografia Editar

O mapa de Coppo (de 1528), coloca junto da posição real da Groenlândia uma massa de terra alongada de Este para Oeste debaixo da designação de “Isola Verde”. No anónimo mapa catalão de 1480 surge uma “Illa Verde” alongada como no mapa de Coppo, situada aproximadamente a sudoeste da Islândia, curioso é aqui o emprego da terminologia portuguesa “illa”.

Schoner, em 1520, refere uma “Insula Viridis”, mas numa latitude mais baixa, mais ou menos ao nível do sul da Irlanda e aproximadamente a meio do oceano Atlântico. O mapa de Nicolao de 1560 coloca a Ilha Verde nos bancos do Labrador, mais próxima da da costa que a "ilha Brazil" também aí representada. No mapa de Zaltieri de 1566, a ilha é colocada perto do “C. Ras” (Cape Race).

O mapa de Peter Martyr de Anghiera de 1511 mostra uma pequena ilha tropical perto de Trinidad, possivelmente a atual Tobago.

O mapa Desceliers de 1546, mostra um “ilha verde” na mesma longitude do Labrador, colocando-a como vizinha de uma ilha de São Brandão. Ortelius, em 1570, e Mercator, em 1587, representam uma “Y Verde” a Oeste de Vlanderen, na região a Norte dos Açores. No século XVIII sobrevive ainda na cartografia, e seria somente no século seguinte que as suas aparições cessariam, salvo por um polêmico escolho denominado “Green Rock”.

Referências Editar

  • Ilha Verde [1]

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória