Fandom

Fantastipedia

Rudá

858 páginas
nesta wiki
Adicione uma página
Falar0 Compartilhar

Segundo Couto de Magalhães, Rudá ou Perudá é o deus do amor na teogonia tupi. É caracterizado como um guerreiro branco, belo e gentil, que mora nas nuvens. Encarregado de promover a perpetuação de todas as criaturas, desperta o amor no coração dos homens e, auxiliado por Cairé (a lua cheia) e Catiti (a lua nova) provoca saudades no amante ausente, fazendo-o retornar para a tribo após suas peregrinações.

Rudá conta também com os serviços de uma serpente, encarregada de reconhecer as moças que mantêm-se virgens e devorar aquelas que perderam a virgindade.


Referências Editar

  1. Couto de Magalhães. O selvagem. Rio de Janeiro, Tip. da Reforma, 1873, parte 2, p.123, 139-146
  2. Luís da Câmara Cascudo. Dicionário do folclore brasileiro. Rio de Janeiro, Instituto Nacional do Livro, 1954
  3. Osvaldo Orico. Mitos ameríndios e crendices amazônicas. Rio de Janeiro, Civilização Brasileira; Brasília, Instituto Nacional do Livro, 1975 (Retratos do Brasil, 93), p.247-249


Veja também Editar

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no Fandom

Wiki aleatória