FANDOM


Thalassa

Talassa, mural em Dafne, perto de Antióquia (atual Antakya, Turquia), século V d.C.

Talassa, (do grego Θάλασσα, Thalassa, "mar", também Thalassê no dialeto jônico e Thalattê no ático) era uma deusa primordial do mar. Segundo o pseudo-Higino, era filha de Éter e Hêmera e irmã de Urano e Gaia e, com Ponto, foi mãe dos peixes. Segundo a Dionisíaca de Nonnus, o sêmen lançado pelo órgão genital de Urano quando este foi castrado por Cronos a fez mãe de Afrodite. O poeta Íon de Quios a faz filho de Egéon, outro nome do hecatônquiro Briareu. Diodoro da Sicília a considera mãe dos nove Telquines, habitantes originais de Rodes, e de sua irmã Hália, depois transformada na deusa Leucoteia.

Um hino órfico a identifica com Tétis e a chama de mãe de Afrodite e das Néfelas.

Iconografia Editar

Talassa era representada nos mosaicos do período romano como uma mulher meio submersa no mar, com patas de caranguejo à guida de chifres, vestida com faixas de algas e segurando um remo de navio.

Mitos Editar

Talassa é citada como personagem de fábulas de Esopo:

Fábula 71, O Náufrago

Um náufrago, tendo sido lançado sobre a costa, dormiu depois de seus enfrentamentos com as profundezas. Depois acordou e olhando para Talassa, o mar, a repreendeu. Argumentou que ela seduzia os homens com uma aparência calma, mas depois que os induzia a singrar suas águas, tornava-se rude e os destruía. Talassa, tomando a forma de uma mulher, respondeu: "Não me culpe, meu bom homem, mas aos ventos, pois eu sou por minha própria natureza tão calma e firme quanto a terra; mas os ventos repentinamente caem sobre mim criando essas ondas e me deixam furiosa.

Fábula 258:

Os Deuses-rios juntaram-se para fazer uma reclamação a Talassa. Perguntaram-lhe: "Por que, quando lhe trazemos águas que são doces e potáveis, você as transforma em algo salgado e impossível de beber?" Talassa respondeu: "Se não vierem, não ficarão salgados."

Fábula 276:

Um lavrador viu um navio e sua tripulação prestes a afundar no mar quando a proa desapareceu sob uma onda. O lavrador disse, "Ó mar, teria sido melhor se ninguém jamais velejasse sobre ti! És um elemento impiedoso da natureza e um inimigo da humanidade". Ao ouvir isso, Talassa tomou a forma de uma mulher e respondeu: "Não espalhes essas histórias malignas sobre mim! Não sou a causa de nenhuma dessas coisas que acontecem a vós; os Ventos [Ánemos] aos quais estou exposta são responsáveis por tudo. Se me olhardes quando os Ventos forem embora e navegardes então sobre mim, admitireis que sou ainda mais gentil que vossa terra seca".

Referências Editar

  • Theoi: Thalassa [1]

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória